15 de fev de 2007

POEMA DO NECESSÁRIO AMOR

Não, o que me fez infeliz não foi você.
Com suas palavras, sete punhais.
Nem você, olhos de areia movediça
quando me disse "nunca mais".

O que me faz infeliz é a vontade de um amor
que pudesse ser dado, assim não racionado
a quem precisasse desse amor.

Pedintes corações nas esquinas do tempo
desse tão grande nosso desamor.

Nenhum comentário: